APRESENTAÇÃO MONTRA DE LIVROS LEILÕES CONTACTOS
Pesquisa
Destaques
Última Actualização
Oportunidades
? A B C D E F G H I J
L M N O P Q R S T U V
Z
FOLHAS CAIDAS APANHADAS A DENTE [1855]
[DINIZ (Pedro)].? AS FOLHAS CAHIDAS APANHADAS A DENTE e pescadas no Porto. Publicadas em nome da moralidade por Amaro Mendes Gaveta antigo collaborador do Palito Metrico. Porto. Em Casa de F. G. da Fonseca ? Editor. 1855. In-8.? de 24 p?gs. E.
Recorda H. de C. Ferreira Lima no seu ?ensaio bibliogr?fico' dedicado ?s ?Par?dias na Literatura Portuguesa': "Camilo, no ?Cancioneiro alegre', traz estes comentarios a proposito desta parodia: ?Quando Garrett, ao lusco-fusco da vida, fez um ramilhete de fl?res ? que pareciam borrifadas pelo orvalho de dezoito primaveras, mas em verdade traziam crystallisadas as lagrimas dos cincoenta annos ? Pedro Diniz, com um psedonymo e as crueis ousadias que a mascara permitte, pegou das ?Folhas cahidas' do author de ?Frei Luiz de Sousa', como quem p?ga de tres estancias de Martins Rua, author da ?Pedreida', e atirou com ellas, transvertidas e, como quer que seja, parodiadas ? irris?o publica. Os primeiros a rirem foram os amigos do visconde d'Almeida Garrett ? os seus pares, quero dizer, os conselheiros d'Estado, os ministros honorarios, os marquezes, os pennachos, os gran-cruzes, os seus commensaes, os seus confidentes, os intimos. Eu e mais a arraia mi?da e verde da bohemia rimos tambem, porque o pontifice das letras n?o vel?ra as fragilidades proprias e as alheias, na idade veneranda em que todo o poeta sensato ou dilue a historia patria em oitava rima como o snr. conselheiro Viale, ou metrifica em redondilha maior a ?Vida de Santo Antonio' como Antonio Lopes, ou faz o poema heroico de S. Gil de Santarem' ? imita??o do medico Jo?o Pedro Xavier do Monte, que havia sido t?o femeeiro como o medico Gil antes de ser santo, (...). Deplor?vel! Todo o paiz e as colonias e o Brazil se riram das ?Folhas cahidas' de Garrett, desde que a satyra de Pedro Diniz as abaixou ao raso da mordacidade que escancara sempres uma gargalhada quando topa um amor senil a carpir-se com lastimas de crian?a amuada. Eu n?o sei se algumas fibras do cora??o de Garrett se dilataram de d?r at? se partirem, quando teve a intuspec??o da zombaria publica. (...)". Segunda das duas edi??es registadas por H. de C. Ferreira Lima no ensaio ?As Par?dias na Literatura Portuguesa?.
Encaderna??o com lombada de pele, gravada a ouro. Carminado s? ? cabe?a, conserva as restantes margens intactas e as respectivas capas da brochura.
Ref: 33172
€ 40.00
Copyright © 2019 Livraria Manuel Ferreira Política de Privacidade Perguntas Frequentes